Poemas

Chuva de março

O sol? Não está em seu melhor dia; O verde é da mata; Nuvens que escondem o rei; Terra vermelha vira barro; Quero-quero se irrita ao seu ninho defender; Terra firme e traiçoeira, Na colônia, ameaça a indústria inteira e a rainha fica em estado de atenção. Raízes fortes e vivas contra o tempo; Bichos… Continuar lendo Chuva de março

Anúncios
Poemas

Erva 🌿 da alegria

Pergunto- me: Até quando continuarei a errar? Minha alma caminha pela escuridão das estradas sem fim. Guio-me pela leve brisa da manhã que não tem dia. Tenho como companhia as sombras que estão comigo a todo o momento. Consolo-me a brisar com a erva da alegria, Pois ela cura o semblante de minha face; Alivia… Continuar lendo Erva 🌿 da alegria

histórias

Sobre falar bobagens

Eu te amo tanto, que ainda com toda a dor do mundo, estou tentando te soltar. E não importa o quanto eu te queira comigo, pois nada fará sentido se não for real, se não for inteiro ou se não for por nós. Vá, eu te entendo e não te culpo. A culpa também não… Continuar lendo Sobre falar bobagens

Poemas

Até breve

Foi em teus olhos notei o que era. Tua boca mentia, A ira de amar. Queria tua boca beijar, Mas o mar... Em desejos fizeram naufragar. Caminhei com os andantes Em caminhos constantes de insanidade A tal da liberdade te libertou de mim, Embora teus olhos mais de uma vez revelassem... Era pra ficar; Queria… Continuar lendo Até breve

Poemas

A gota

Transparente; Puro; Real e Seu brilho fatal. Vem lá de cima, Dá a vida, mas também tira. Tão pouco ao nordeste, Desequilibra! Família grita: "Senhor Prestes" Caí aqui, Socorre o sudeste! Transparente nas consequências, Com muitas influências. Desmata e mata, A mata grita: "Socorro" Ó mãe natureza, Perdoe nossa impureza, Não distinguimos riquezas, Mas a… Continuar lendo A gota

Início, Sobre

Oi!

Me reapresentando. 😁

Desenrola Cordeiro

Eu sou Francielle Cordeiro e tenho 27 anos. Sou estudante de administração de empresas e moro no interior do estado de São Paulo-SP.

Adoro conversar sobre tudo e com todos, pois sinto que cada pessoa tem um pouquinho ou muito a me acrescentar na vida.

Falo sobre o que entendo e procuro entender o que desconheço. Não sou boa em muita coisa, mas procuro sempre aprender sobre tudo e mais um pouco.
Sou do tipo que sempre me faço de boba e finjo demência para lidar com todos os tipos de situações.

Prefiro não brigar, pois essa é uma arte que realmente não domino nada.
O fato de sempre me fazer de boba, não me faz uma “otária”. Prefiro dizer que cada um tem de mim, aquilo que necessita. Não o que querem!

Hobby?

Gosto muito de fotografia, principalmente a categoria natureza. O contraste natural das cores, cada coisa…

Ver o post original 147 mais palavras