Poemas

Qual o tamanho da minha dor?

Pra quê ficar tentando explicar?

Estou aqui, mas sua arrogância transforma minha dor em piada.

Qual o tamanho da minha dor?

Não sei!

Gritos em mim ecoam

Lágrimas em mim, me afogam

A luz me cega

O ar me sufoca

Minha vida quer ir embora

Qual o tamanho da minha dor?

Risos me aliviam,

Mas a noite me lembro de quem sou,

Minha alma quer ir embora,

Mas algo me prende e acho que é o tal do amor.

Qual o tamanho da minha dor?

-Pobrezinha e nem sabe nada da vida.

Qual o tamanho do minha dor?

Me falta ar

Sobram motivos

Creio em Deus

Logo eu?

Sinto o adeus!

-Boa passagem guria, na próxima você consegue!

Francielle Cordeiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s